Veja o trailer do filme Nostalgia da luz

Nostalgia da luz

12 Drama Documentário Duração: 90

Grande Prêmio da Academia Europeia de Cinema, 2010; melhor documentário nos festivais de Guadalajara, México, Toronto, Canada, e Yamagata, Japão. Prêmio da Crítica de Nova York.Em outubro de 2010 Patricio Guzmán recebeu no Festival do Rio o prêmio Fipresci pelo conjunto da obra. Em Atacama, lado a lado, os grandes observatórios que examinam o universo e os abandonados acampamentos de mineiros de cobre, na época de Pinochet transformados em cárcere para presos políticos. Em Atacama, o tão distante que quase escapa à vista e só pode ser visto pela lente do telescópio, e o tão perto que igualmente quase escapa à vista e só pode ser visto por quem se dispõe a examinar cada grão da areia do deserto. Alexander Kluge criou, certa vez, no final da década de 1970, no filme A patriota(Die Patriotin), uma imagem da relação do indivíduo com a história: uma professora insatisfeita com a história da Alemanha no século 20, decide, com uma pá, abrir um buraco no meio do Congresso, e escavar até encontrar a verdadeira história de seu país. Guzmán encontrou no deserto de Atacama uma imagem real ainda mais forte: com pequenas pás de jardinagem, parentes de presos políticos que morreram nos cárceres que a ditadura de Pinochet montou no deserto, vasculham a areia em busca de fragmentos de ossos para, por meio de um exame de dna, comprovarem que o filho, ou o marido, ou o irmão, que o familiar desaparecido, morreu ali, nas prisões do deserto de Atacama.

Título original: Nostalgia De La Luz

País de origem: França

Data do lançamento: 15/01/2015

Diretor: Patricio Guzmán

Principais atores: