Votação aberta definirá indicado brasileiro ao Oscar de melhor filme internacional

Publicado em 02/07/19 10:00

O Diário Oficial da União indica, em uma portaria publicada na edição de hoje, que o longa-metragem brasileiro que será direcionado à disputa de uma das vagas da categoriade melhor filme internacional do Oscar será definido em votação aberta. O regulamento para a premiação de 2020 difere do que ocorreu na anterior.

A portaria Nº 1.213, publicada hoje, dispõe as regras para o processo de seleção do filme brasileiro a ser indicado ao Oscar. Além de dar nome aos especialistas que escolherão o longa, numa lista formada por nove titulares e dois suplentes, o quarto artigo tem um parágrafo em que implementa:

A obra será selecionada por meio de votação aberta e deverá obter a maioria simples dos votos dos especialistas titulares

Em 2018, o Brasil indicou à disputa do Oscar 2019 "O Grande Circo Místico", de Cacá Diegues, na categoria que ainda era chamada de melhor filme estrangeiro - e que foi renomeada pela Academia para a cerimônia do ano que vem. Uma coletiva de imprensa apresentou o nome do longa que concorreu, mas não se soube como cada votante fez sua escolha.

Para a decisão deste ano, os votantes escolhidos pela Academia Brasileira de Cinema são: Amir Labaki, Anna Muylaert, David Schurmann, Ilda Santiago, Mikael de Albuquerque, Sara Silveira, Vania Catani, Walter Carvalho e Zelito Viana.

O anúncio do resultado será realizado pelos especialistas no dia 27 de agosto de 2019.

Fonte: UOL Cinemas // Maurício Dehò