Viúva Negra representa a passagem de bastão para Florence Pugh

Publicado em 06/07/20 13:00

Viúva Negra representa uma espécie de passagem de bastão entre a veterana Scarlett Johansson e a recém-chegada ao MCU, Florence Pugh, de acordo com a diretora Cate Shortland. Em entrevista à revista Empire, ela disse:

"[O presidente do Marvel Studios Kevin Feige] percebeu que o público esperaria uma história de origem. Então, claro, fomos na direção oposta. Não sabíamos que Florence Pugh seria tão boa. Sabíamos que ela era ótima, mas não tanto. A Scarlett, tão graciosa, disse 'ai, estou passando o bastão'. Então, o filme impulsionará outra história feminina".

Esta não é a primeira vez que algo nessa linha é sugerido. No ano passado, Johansson deu a entender que Viúva Negra daria o pontapé para mais uma franquia no MCU. A afirmação gerou especulações de que talvez a personagem de Pugh, Yelena Belova, pudesse assumir o título da Vingadora original, algo que já ocorreu nos quadrinhos. A atriz, porém, negou.

Leia a sinopse do filme: “Em Viúva Negra, thriller de espionagem recheado de ação da Marvel Studios, Natasha Romanoff - a Viúva Negra - confronta as partes sombrias de sua profissão quando surge uma perigosa conspiração conectada com o seu passado. Perseguida por uma força implacável que quer derrubá-la, Natasha deve lidar com sua história como espiã e as relações quebradas que deixou quando se tornou uma Vingadora.

Viúva Negra terá o retorno de Scarlett Johansson, e também adição de Florence PughRachel Weisz e David Harbour. A direção é de Cate Shortland

Fonte: Omelete // Mariana Canhisares