The Batman | Robert Pattinson comenta regra de não matar do herói

Publicado em 24/01/22 18:00

Embora o Cavaleiro das Trevas já tenha feito algumas vítimas fatais no cinema desde 1989, sua regra máxima de não matar será devidamente incorporada em The Batman. Protagonista do novo filme, Robert Pattinson confirmou que sua versão do personagem não cometerá nenhum assassinato, o que não quer dizer que ele terá piedade de seus adversários. “[Ele não matar] pode ser interpretado de duas formas: ou ele quer aplicar punições apropriadas, ou ele quer matar, mas seu autocontrole o impede”, teorizou o ator em entrevista à Premiere Magazine.

Para Pattinson, passar as noites lutando contra o crime pode não ser exatamente uma missão tão árdua para a nova versão do Cruzado Encapuzado. “Se ele passa suas noites caçando criminosos é impossível que ele não sinta nenhum prazer nisso”, disse o ator, que vê o herói dividido com essa vontade de causar dor. “Ele sofre. É um desejo que o sobrecarrega”.

Vale lembrar que desde que o Batman de Tim Burton estreou em 1989, apenas a versão vivida por George Clooney não matou - ou deixou morrer - nenhum de seus oponentes. Michael Keaton, por exemplo, fez o Coringa (Jack Nicholson) e o Pinguim (Danny De Vito) caírem para suas mortes, além de massacrar vários capangas nos dois filmes que estrelou. O Bruce Wayne de Val Kilmer também fez um inimigo sofrer uma queda fatal ao enganar o Duas-Caras de Tommy Lee Jones no clímax de Batman Eternamente. Já Christian Bale derrubou o Harvey Dent (Aaron Eckhart) de sua franquia de um andaime para salvar Jim Gordon (Gary Oldman) e Ben Affleck usou rifles, contêineres e mísseis para eliminar vários capangas contratados por Lex Luthor (Jesse Eisenberg) em Batman v Superman: A Origem da Justiça.

Além do protagonista Robert Pattinson, o novo Batman é estrelado também por Zoë Kravitz (Mulher-Gato), Paul Dano (Charada), Jeffrey Wright (Comissário Gordon), Andy Serkis (Alfred) e Colin Farrell (Pinguim).

O filme chega aos cinemas em 3 de março de 2022.

O Omelete agora tem um canal no Telegram! Participe para receber e debater as principais notícias da cultura pop (t.me/omelete).

Fonte: Omelete // Nico Garófalo