Morre Paul Ritter, ator de 'Chernobyl' e 'Harry Potter', aos 54 anos

Publicado em 06/04/21 09:00

O ator Paul Ritter, um dos mais ativos da TV e do cinema britânicos, morreu hoje aos 54 anos, em decorrência de um tumor no cérebro. A informação foi confirmada pelo agente do ator ao Deadline.

Seus trabalhos mais conhecidos do grande público foram na minissérie "Chernobyl" (2019), onde interpretou o engenheiro Anatoly Dyatlov; e em "Harry Potter e o Enigma do Príncipe" (2009), onde viveu o bruxo Eldred Worple, que aparece na cena da festa de gala dada pelo professor Slughorn (Jim Broadbent).

Ele morreu pacificamente em casa, com a mulher Polly e os filhos Frank e Noah ao seu lado. [...] Paul era um ator excepcionalmente talentoso, que interpretou uma enorme variedade de papéis no palco e na tela, com extraordinária habilidade. Ele era ferozmente inteligente, gentil e muito engraçado. Vamos sentir sua falta enormemente."
Agente de Paul Ritter confirma morte ao Deadline

Ritter teve outros papéis pequenos em produções conhecidas, como "O Libertino" (2004), "Hannibal: A Origem do Mal" (2007), "007: Quantum of Solace" (2008), "Wolf Hall" (2015), "Inferno" (2016) e "Belgravia" (2020).

Entre 2011 e 2020, ele também estrelou a série de comédia "Friday Night Dinner", sucesso no Channel 4 britânico. Ritter deixa uma performance inédita, no drama de guerra "Operation Mincemeat", dirigido por John Madden ("Shakespeare Apaixonado"), ainda sem data de estreia definida.

Paul Ritter (à dir.) como Eldred Worple em 'Harry Potter e o Enigma do Príncipe' - Reprodução - Reprodução
Paul Ritter (à dir.) como Eldred Worple em 'Harry Potter e o Enigma do Príncipe'
Imagem: Reprodução

Fonte: UOL Cinemas // UOL