Dia das Crianças: 10 filmes da Netflix que vão agradar a você e ao seu filho

Publicado em 11/10/18 18:00

O dia das crianças mais uma vez se aproxima, e o dilema continua o mesmo para aquelas duplas de pais e filhos que optam por uma sessão de cinema no dia especial: o que assistir? Hoje em dia, a Netflix é a plataforma de streaming mais popular do Brasil, mas muita gente se vê com dificuldade de encontrar o que ver em família no amplo catálogo do site.

Parte do problema é que muitos filmes infantis subestimam a inteligência até das crianças, que dirá dos pais que querem curtir a sessão com os filhos. Produções de qualidade técnica e narrativa duvidosas não faltam.

Para fugir delas, nossa lista buscou 10 filmes no catálogo da Netflix que vão te divertir ao mesmo tempo em que deixarão o seu filho grudado na tela. Confira:

Os clássicos

"De Volta Para o Futuro 2"

No momento, o catálogo da Netflix só tem mesmo o segundo filme da trilogia oitentista que marcou uma geração. No entanto, quem viu todos os longas sabe que eles funcionam bem como aventuras separadas.

Em “De Volta para o Futuro II”, Marty McFly (Michael J. Fox) e seu fiel companheiro Doc Brown (Christopher Lloyd) embarcam em seu DeLorean e viajam para 1955, onde precisam evitar que eventos catastróficos aconteçam e afetem o seu presente, em 1985.

Os pais com certeza vão se divertir com as muitas referências de época, além do elemento de nostalgia do filme, caso ele tenha feito parte de sua infância e adolescência. Já para os pequenos, pouca coisa poderia ser mais divertida do que uma aventura de viagem no tempo.

"Matilda"

Um verdadeiro clássico das tardes da TV aberta brasileira, “Matilda” é um filme adorável e inteligente, sobre uma garota independente e estudiosa que, por acaso, tem também super-poderes. Com eles, ela forja o seu próprio caminho no mundo, apesar da falta de compreensão dos pais e das ardilosas armações da diretora de sua escola.

Inspirado no livro de Roald Dahl, autor que também criou “A Fantástica Fábrica de Chocolate”, o filme produzido em 1996 virou clássico cult, com o humor rebelde impresso pelo diretor Danny DeVito o posicionando como uma jóia rara hoje em dia: um longa infantil com piadas que funcionam para todo mundo.

“Abracadabra”

Se a sua ideia é aproveitar que o dia das crianças é em outubro para comemorar, ao mesmo tempo, o Halloween, temos o filme certo para você. “Abracadabra” é o filme de Dia das Bruxas preferido de muita gente até hoje, e não é à toa.

Com toda a magia da Disney, acompanhamos a deliciosa aventura cômica de um jovem que acorda três irmãs bruxas diabólicas que foram executadas em Salem durante o século 17. Não parece a trama de um filme infantil, mas o clima aqui é de pura diversão.

Enquanto isso, os adultos com certeza vão se esbaldar com as interpretações exageradas de Bette Midler, Sarah Jessica Parker e Kathy Najimy na pele das bruxas.

“E.T. - O Extra-Terrestre”

Difícil pensar em um filme que se enquadre mais na definição de clássico do que “E.T. - O Extra-Terrestre”, obra-prima de 1982 dirigida por Steven Spielberg. Uma ficção científica com pitadas de comédia e uma mensagem positiva, “E.T.” é um marco da cultura pop que toda criança precisa conhecer.

Para os adultos, é claro, a grande atração aqui é a nostalgia. Os mais chegados em cinema sempre podem apreciar a direção magistral de Spielberg, além do domínio incrível de efeitos, práticos e digitais, do filme.

As animações

Toda a coleção da Pixar


Não dá para errar com a Pixar. A empresa-irmã da Disney continua criando as animações mais inteligentes, emocionantes, engraçadas e visualmente impressionantes do mercado.

Para ajudar, a Netflix possui uma invejável coleção de longas da empresa. A trilogia “Toy Story” está toda no catálogo, assim como “Vida de Inseto”, os dois filmes da franquia “Monstros S.A.”, “Procurando Nemo”, “Os Incríveis”, “Carros” e sua primeira continuação, “Ratatouille”, “Wall-e”, “Up: Altas Aventuras”, “Valente” e “Divertida Mente”.

Do arquivo completo da Pixar, só ficaram faltando as sequências “Carros 3”, “Procurando Dory” e “Os Incríveis 2”, além do recente “Viva: A Vida é uma Festa”.

“Coraline e o Mundo Secreto”

Não dá para negar que “Coraline” não é um filme infantil comum. Com elementos de fantasia e terror misturados na trama, essa adaptação do livro de Neil Gaiman é mais indicada para crianças um pouco mais velhas, às quais os pais tenham vontade de introduzir algo mais excêntrico.

Na trama, a personagem-título encontra uma porta para outra dimensão, povoada por versões que ela considera ideais de seus pais e de sua vida doméstica. É claro que ela acaba descobrindo que essa realidade alternativa esconde segredos sombrios.

O filme de Henry Selick (diretor de “O Estranho Mundo de Jack”) é um espetáculo de técnica e visuais inusitados. Adultos com certeza não ficarão entediados.

"A Casa Monstro”

Mais um filme bem divertido para juntar suas sessões de dia das crianças e Halloween. A animação de Gil Kenan se passa no Dia das Bruxas, e mostra três amigos investigando a possibilidade da casa vizinha a sua ter vida própria e estar determinada a (literalmente) comer as crianças que ousarem pedir doces à sua porta.

Com um estilo de animação que aposta menos no fotorrealismo e mais na caricatura, personagens com os quais qualquer criança e/ou pré-adolescente vai se identificar imediatamente, e uma mensagem anti-preconceito bem bacana, “A Casa Monstro” é definitivamente uma boa pedida.

“A Origem dos Guardiões”

Essa charmosa produção da DreamWorks prova que existe vida inteligente fora da Pixar na animação americana. O filme junta versões modificadas de personagens folclóricos como Jack Frost, Papai Noel, Coelho da Páscoa e Fada do Dente para empreender uma batalha final contra o seu nêmesis, o Bicho-Papão.

“A Origem dos Guardiões” tem aquela qualidade sempre bem-vinda de criar um mundo fantasioso no qual o espectador, criança ou adulto, pode mergulhar sem medo. O design dos personagens e das batalhas entre eles é espetacular, e o ritmo rápido da narrativa vai manter as crianças ligadas no filme por toda a sua exibição.

Em carne e osso

“Meu Monstro de Estimação”

O seu filho talvez não conheça o mito do monstro do Lago Ness, no qual esse filme é levemente inspirado - mas ele vai gostar da aventura “Meu Monstro de Estimação” mesmo assim, porque o filme se aproveita da lenda para construir uma história adorável sobre um garoto que encontra e se afeiçoa a uma criatura extraordinária.
Inspirado em um livro de Dick King-Smith (o criador de “Babe, o Porquinho Atrapalhado”) e dirigido por Jay Russell (do ótimo “Meu Cachorro Skip”), essa fábula com excelentes efeitos especiais e ótimas atuações também vai conquistar o coração dos adultos. É definitivamente um filme que merece mais atenção do que recebeu.

“Menino Maluquinho - O Filme”

Lançado em 1995, “Menino Maluquinho - O Filme” adapta as desventuras de um dos personagens mais marcantes da infância de qualquer brasileiro. Criado por Ziraldo, Maluquinho ganha todo o carisma do ator mirim Samuel Costa, enquanto seus pais são interpretados pelos sempre ótimos Patrícia Pillar e Roberto Bontempo.

“Menino Maluquinho - O Filme” é a forma perfeita de apresentar esse personagem inesquecível para uma nova geração, e sem dúvida vai deixar os pais perdidos na nostalgia de sua própria infância. Tem coisa mais gostosa, em pleno Dia das Crianças?

Fonte: UOL Cinemas // Caio Coletti