Atriz que vive Brienne relata irritação com cena de sofrimento da personagem em "GoT"

Publicado em 06/05/19 01:00

ATENÇÃO: O texto abaixo contém spoilers do quarto episódio da oitava temporada de "Game of Thrones". Não leia se não quiser saber o que acontece.

Um dos momentos que mais deixou os espectadores de "Game of Thrones" devastados no episódio de hoje foi quando Brienne (Gwendoline Christie), depois de ter dormido com Jaime (Nikolaj Coster-Waldau), foi abandonada por ele. O cavaleiro decidiu partir para Porto Real para ficar ao lado de sua irmã, Cersei Lannister (Lena Headey), já que o exército de Daenerys (Emilia Clarke) está pronto para atacar a capital.

A atriz que interpreta a personagem disse que ela mesma ficou frustrada com a situação. "Eu estava tão brava por ela. Eu sei que é só um personagem e sou uma atriz que tem sorte por fazer seu trabalho. Mas é de partir o coração. Mas é vida, não é. A vida é devastadora. Eu nunca assumi que eles estariam juntos. Eu não imaginei que isso fosse acontecer. Agora eu posso sentir milhões de corações partindo. Eu não julgo Cersei, mas a relação deles é disfuncional. Eu fiquei muito vermelha. Estava irritada e tive que ir caminhar", disse ela em entrevista à revista "Entertainment Weekly".

A intérprete também confessou que ela e Nicolaj acharam garça quando souberam que teria uma cena de intimidade na série. "Eu recebi um texto do Nicolaj só rindo. Eu respondi com um emoji de nojo. Tão moderno. Nós tivemos que ter algumas conversas. 'Agora, você vai ser muito profissional quanto a isso...'Mas eu me importo tão profundamente com a personagem, então era importante para mim que [a cena] fosse bem tratada e eu acho que foi".

Gwendoline também disse que entende a surpresa de algumas pessoas quanto ao desenvolvimento e que entende o levou Jaime e Brienne a dormirem juntos, mas confessou que sempre esperou que a personagem ficasse com outra pessoa.

"É sobre duas pessoas ficarem juntos. Ambos vão gostar, então por que não ter essa experiência? E é tratado de uma maneira que é bem elegante e não é incrivelmente detalhada. Eu acho que se você encarou e sobreviveu a morte você vai viver o que a vida tem a oferecer e não explorar isso não seria tão humano. Ela é uma mulher e isso quer dizer que ela tem um impulso sexual, então por que ela não deveria explora-lo. Pessoalmente...Eu sempre quis ver ela ficar com a Dany", afirmou.

Ela ainda detalhou a cena que, para ela, foi sua mais marcante:"Eu acho que a cena em que ela foi feita cavalheira. O significado conceitual que ela tem para mim. Eu pensei tanto nisso. É emotivo para a personagem conseguir algo que ela quer e é reconhecido. Também tem a possibilidade de igualdade, toda essa luta e fazer o que é honorável. Brienne sente que, de alguma forma, é um reconhecimento de tudo isso e que o corpo que ela tem não importa; são os atos que fez e como ela se comportou que foram reconhecidos na forma mais alta possível"

Fonte: UOL Cinemas // Guilherme Machado