Teoria sugere que Homem de Ferro não morreu no final de Vingadores: Ultimato

Publicado em 02/08/19 16:00

Vingadores: Ultimato já foi lançado há mais de três meses, bateu o recorde como maior bilheteria da história do cinema, mas o enredo complexo do filme ainda mexe com a cabeça de muita gente. Inclusive sobre o desfecho do Homem de Ferro.

Uma nova teoria que vem ganhando fama no Reddit e que foi compartilhada no CB sugere que Tony Stark (Robert Downey Jr.) não morreu no final do filme, após salvar o universo

O usuário Kedrosal aponta que no funeral do herói não tivemos a oportunidade de ver o seu corpo, inclusive não vimos mais o personagem após ele supostamente morrer na batalha final contra Thanos.

Outro argumento usado para dar mais base à teoria é que, pelos últimos filmes, o reator arc que fica preso ao peito do herói não estava deixando ele vivo da mesma maneira que quando Tony criou o mecanismo. Ou seja, o traje poderia continuar ativo mesmo em uma condição crítica.

Por fim, Kedrosal sugere que o herói pode ter forjado sua morte para viver a vida que sempre quis, longe dos afazeres de um super-herói, mas ao lado de Pepper e da filha.

Durante um evento de perguntas e respostas com Joe Russo, o diretor de Vingadores: Ultimato declarou que não há como o personagem voltar para o Universo Cinematográfico da Marvel (MCU).

"Tony está morto. Acabou para Robert [Downey Jr.]", explicou o cineasta.

O roteirista Christopher Markus também falou sobre o tema recentemente, e lembrou que ele aproveitou a vida antes de voltar para o trabalho final com o grupo de heróis. "Essa foi a vida que ele sempre quis. Ele e Pepper ficaram juntos? Sim. Eles se casaram, tiveram uma filha, foi ótimo. Foi uma morte boa. Não pareceu uma tragédia. Foi heroica."

Fonte: UOL Cinemas // Rodolfo Vicentini