Morre Nadja Regin, que viveu vilã sedutora em filme de "007", aos 87

Publicado em 08/04/19 14:00

A atriz Nadja Regin, que apareceu em dois filmes da franquia "007", morreu aos 87 anos. A notícia foi confirmada pela conta oficial da saga James Bond no Twitter, que postou hoje uma simples homenagem à atriz sérvia.

"Estamos muito tristes de saber que Nadja Regin morreu aos 87 anos de idade. Ela apareceu em dois filmes de Bond: 'Moscou Contra 007' [1963] e '007 Contra Goldfinger' [1967]. Nossos pensamentos e orações estão com sua família e amigos neste momento triste", escreveram.

Em "Moscou Contra 007", estrelado por Sean Connery, Regin viveu a amante do personagem Karim Bey (Pedro Armendáriz), chefe da "estação T" do Serviço Secreto Britânico, em Istambul (Turquia).

Sua segunda aparição, em "007 Contra Goldfinger", seria mais destacada. Novamente ao lado de Connery, ela aparece como a personagem Bonita, uma dançarina sedutora que tenta enganar o espião.

Regin continuou atuando durante os anos 1960, aparecendo em séries como "Danger Man" e "The Saint". Pouco depois, se aposentou e fundou a editora literária Honeyglen Publishing com sua irmã, Jelena.

Fonte: UOL Cinemas // Caio Coletti