John Leguizamo critica escalação de James Franco como Fidel Castro

Publicado em 05/08/22 20:00

A escalação de James Franco para interpretar o líder cubano Fidel Castro no filme Alina de Cuba dividiu opiniões, e um dos críticos da escolha do diretor Miguel Bardem foi o ator John Leguizamo. No Instagram, ele escreveu que considera a decisão um exemplo de "apropriação de Hollywood", já que Franco não é latino; veja:

"Como isso ainda está acontecendo? Como Hollywood nos exclui e ainda rouba nossas narrativas? Sem mais apropriação de Hollywood e dos streamers. Boicote! Isso é f*dido. Além disso, uma história seriamente difícil de contar sem engrandecimento, o que seria errado! Não tenho problemas com Franco, mas ele não é latino!".

Além de Franco, a atriz Mía Maestro viverá Natalia Revuelta, socialite que viveu um caso amoroso com o político. A dupla se junta Ana Villafañe, que está interpretando Alina Fernandez, personagem-título.

O filme mostrará a história real de Castro e Revuelta e como o romance deles deu origem à Fernandez. A direção é de Miguel Bardem e roteiro de Jose Rivera. Não há previsão de estreia.

Omelete agora tem um canal no Telegram! Participe para receber e debater as principais notícias da cultura pop (t.me/omelete).

Acompanhe a gente também no YouTube: no Omeleteve, com os principais assuntos da cultura pop; Hyperdrive, para as notícias mais quentes do universo geek; e Bentô Omelete, nosso canal de animes, mangás e cultura otaku.

Fonte: Omelete // Mariana Canhisares