Atriz diz sofrer censura em festival de cinema por blusa com nome de Lula

Publicado em 28/05/22 22:00

A atriz Lara Tremouroux compartilhou um relato afirmando que sofreu uma "tentativa de censura" durante o festival de cinema de Vassouras (RJ). Ela foi ao evento vestindo uma blusa em alusão à candidatura de Lula (PT) estampada.

Segundo o texto publicado em seu perfil no Instagram, Lara afirma que um membro da organização do festival avisou que as manifestações políticas eram proibidas no momento em que ela chegava a um painel de entrevistas.

"Digo que isso não existe, que é direito meu, pessoal e intransferível, me manifestar da forma que eu desejar e aonde me fizer sentido, e escolho então me retirar do debate. Se não posso entrar com minha camisa do Lula, tchau. Não tiro", disse a artista.

Na sequência, Lara, que interpretou Joy na novela "Um Lugar ao Sol", afirmou que o funcionário tentou culpá-la pela situação. A atriz também disse ter discutido com organizadores que, segundo o relato, não gostaram da reação.

"Dissemos que, no mínimo, eles deveriam ter nos avisado, pois então, nem teríamos vindo. Enfim. Inúmeras violências que, de tão atordoada, nem consigo lembrar de todas", completou.

Splash entrou em contato com a equipe do festival de cinema de Vassouras, mas ainda não obteve um posicionamento sobre o caso.

Fonte: UOL Cinemas // Weslley Neto