Aos 81, Jane Fonda diz que não pretende mais fazer cenas de nudez

Publicado em 02/06/19 10:00

Umas das grandes lendas de Hollywood, Jane Fonda tem uma carreira consagrada de quase seis décadas - e sabe bem o que aceita ou não fazer em prol da arte.

Em entrevista à revista "The Hollywood Reporter", a atriz de 81 anos contou que, hoje, não pretende mais aceitar cenas de nudez. "Acho que não ficaria nua de novo", disse ela, que em 1968 foi alçada ao posto de símbolo sexual com "Barbarella".

A atriz, no entanto, está contente de poder falar sobre a sexualidade das mulheres maduras na sua série "Grace & Frankie" e no filme "Do Jeito que Elas Querem", que deve estrear no Brasil no dia 14 de junho.

"Nossa cultura não gosta de ver pessoas com rugas falando de sexo. E os filhos não gostam de pensar nos pais fazendo sexo", notou. "Mas o grupo populacional que mais cresce no mundo é o das mulheres mais velhas, e muitas delas estão transando com muito prazer. Quando estava nos meus 40, eu disse que antes de morrer eu queria dar um rosto cultural às mulheres mais velhas, e nem posso dizer quanto retorno eu e Lily [Tomlin] recebemos de mulheres que dizem que a série deu esperança a elas - e de mulheres nem tão velhas assim que dizem 'agora vejo outro caminho a frente'".

Colapso

Fonda ainda revelou que seu trabalho em "Grace & Frankie" a levou a um colapso nervoso. "Tive que voltar para a terapia e começar Prozac [um antidepressivo]".

"Eu tive um colapso nervoso na primeira temporada e descobri que era porque, no primeiro episódio, nossos maridos dizem que vão nos deixar após 40 anos de casamento para ficar juntos, e isso foi um gatilho para minhas questões de abandono. Eu não havia percebido que uma comédia podia ser um gatilho para algo tão profundo".

Fonte: UOL Cinemas // Beatriz Amendola