Vanessa Redgrave

Vanessa Mariah Redgrave CBE (Greenwich, 30 de janeiro de 1937) é uma atriz britânica. Ela é uma das 23 pessoas que alcançaram a Tríplice Coroa da Atuação; e em 2003 entrou para o Hall of Fame do American Theatre. Em 2010, Redgrave recebeu um Prêmio BAFTA Fellowship em reconhecimento à sua contribuição ao cinema.Filha dos atores Rachel Kempson e Michael Redgrave, ela fez sua estreia como atriz no teatro com a produção de A Touch of Sun em 1958. E ganhou destaque em 1961 interpretando Rosalind na comédia Como Gostais de William Shakespeare e desde então estrelou em mais de 35 produções em West End e na Broadway, ganhando o Prêmio Laurence Olivier de melhor atriz em 1984 por The Aspern Papers, e o Prêmio Tony em 2003 pelo revival de Longa Jornada Noite Adentro. Ela também recebeu indicações ao Tony por O Ano do Pensamento Mágico e Conduzindo Miss Daisy de Alfred Uhry.

No cinema, Redgrave fez sua estreia com o drama médico Behind the Mask (1958), e ganhou destaque com a comédia Deliciosas Loucuras de Amor (1966), que lhe rendeu a primeira de suas seis indicações ao Oscar, vencendo o prêmio de melhor atriz coadjuvante pelo filme Julia (1977). Suas outras indicações foram por Isadora (1968), Mary Stuart, Rainha da Escócia (1971), Os Bostonianos (1984) e Retorno a Howard's End (1992). Seus outros papéis de destaque no cinema são O Homem Que Não Vendeu Sua (1966), Blow-Up - Depois Daquele Beijo (1966), Camelot (1967), Os Demônios (1971), Assassinato no Expresso Oriente (1974), O Amor Não Tem Sexo (1987), Missão: Impossível (1996), Desejo e Reparação (2007), Cartas para Julieta (2010), Coriolano (2011) e O Mordomo da Casa Branca (2013).