Steve Carell

Steven John Carell ( /kəˈrɛl/; Concord, 16 de agosto de 1962) é um premiado ator, humorista, dublador, produtor, roteirista e diretor americano. Ele é mais conhecido por interpretar o chefe Michael Scott na sitcom da NBC The Office (2005–2011), na qual também trabalhou como produtor, roteirista e diretor ocasional. Carell foi indicado como "o homem mais engraçado da América" pela revista Life.Carell foi correspondente no The Daily Show with Jon Stewart de 1999 a 2005. Ele estrelou Anchorman: The Legend of Ron Burgundy e sua sequência Anchorman 2: The Legend Continues, The 40 Year-Old Virgin, Evan Almighty, Get Smart, Crazy, Stupid, Love, The Incredible Burt Wonderstone e The Way, Way Back. Ele também foi dublador em Over the Hedge, Horton Hears a Who! e a franquia Despicable Me. Em 2016, Carell co-criou a série de comédia da TBS Angie Tribeca com sua esposa, Nancy Carell.

Carrel ganhou o Globo de Ouro de melhor ator em série de comédia ou musical por seu trabalho na primeira temporada de The Office. Nos anos 2010, ele chamou atenção por conta de papéis mais dramáticos. Seu papel como treinador de luta livre e assassino condenado John Eleuthère du Pont no filme dramático Foxcatcher lhe rendeu, entre várias honras, indicações para o Oscar de Melhor Ator, o Globo de Ouro de Melhor Ator - Drama de Filme e o Prêmio BAFTA de Melhor Ator Coadjuvante. Ele também recebeu elogios por seus papéis em Little Miss Sunshine, The Big Short e Battle of the Sexes, os dois últimos lhe rendendo sua oitava e nona indicação ao Globo de Ouro, respectivamente. Em 2018, ele se juntou novamente ao diretor Adam McKay no filme biográfico de Dick Cheney, Vice, no qual interpretou Donald Rumsfeld, e interpretou o jornalista David Sheff no drama Beautiful Boy.