Nelson Dantas

Nelson Hannequim Dantas Filho (Rio de Janeiro, 17 de novembro de 1927 — Rio de Janeiro, 18 de março de 2006) foi um ator brasileiro.

Participou de inúmeros filmes, peças de teatro e telenovelas. Uma de suas participações mais marcantes na TV foi o Beato Salu da telenovela Roque Santeiro, em 1985. Em 1980 foi o protagonista do filme Cabaret Mineiro, de Carlos Alberto Prates Correia. Em 1982, trabalhou no filme O bom burguês, de Oswaldo Caldeira. Em 1999, voltou a trabalhar com Oswaldo Caldeira em Tiradentes. Sua última participação em cinema foi em Zuzu Angel, sobre a vida da estilista, lançado em 2006.

Em televisão, a última aparição de Nelson foi em 2005, num episódio do humorístico Sob Nova Direção.

Era pai do também ator Daniel Dantas, com quem chegou a contracenar em tramas como Força de um Desejo e Sinhá Moça, esta última na versão de 1986. Faleceu aos 78 anos, vítima de parada cardiorrespiratória. Ele sofria de câncer no pulmão.