Frances McDormand

Frances Louise McDormand (antes de seu registro adotivo, Cynthia Ann Smith; Chicago, 23 de junho de 1957) é uma atriz e produtora norte-americana. Ela já recebeu vários prêmios ao longo de sua carreira, incluindo quatro Oscars (três de melhor atriz e um de melhor filme - Nomadland, de 2020, que produziu e estrelou), dois Primetime Emmy Awards e um Tony Award, sendo uma das poucas artistas a conquistar a "Tríplice Coroa da Atuação".McDormand já estrelou vários filmes dirigidos por seu marido, o cineasta Joel Coen, entre eles Gosto de Sangue (1984), Arizona Nunca Mais (1987), Fargo (1996), O Homem Que Não Estava Lá (2001), Queime Depois de Ler (2008) e Ave, César! (2016). Por sua interpretação de Marge Gunderson em Fargo, ela ganhou o Oscar de melhor atriz. Seus outros papéis no cinema incluem Mississípi em Chamas (1988), Quase Famosos (2000) e Terra Fria (2005), todos os quais lhe renderam indicações ao Oscar de melhor atriz coadjuvante. Em 2017, ela estrelou o filme Três Anúncios Para Um Crime, que lhe rendeu um segundo Oscar. Em 2020, estrelou e produziu o aclamado filme de drama independente Nomadland, que lhe traria um novo triunfo nos Oscars e em outras importantes premiações.

McDormand fez sua estreia nos palcos da Broadway em 1984 no revival Awake and Sing!, e recebeu uma indicação ao Prêmio Tony de melhor atriz principal por sua aclamada atuação como Stella Kowalski em A Streetcar Named de 1988. Em 2008 foi indicada ao Drama Desk de melhor atriz por The Country Girl e em 2011, ganhou o Prêmio Tony de melhor atriz por sua interpretação de uma mãe solteira problemática em Good People. Na televisão, McDormand interpretou a personagem-título da minissérie da HBO Olive Kitteridge (2014), que lhe rendeu o Emmy de melhor atriz em minissérie ou telefilme.